Volumes das exchanges de outubro de 2019 a setembro de 2020

Alterbank

INTRODUÇÃO

Este relatório apresenta um resumo dos dados de VOLUME de operações de compra e venda de Bitcoin (BTC) coletados das API disponibilizadas pelas exchanges de 01/10/2019 a 30/09/2020. Tem como objetivo apresentar as informações coletadas de forma organizada e visualmente agradável, deixando disponível a informação para a análise dos especialistas.

METODOLOGIA

Todas as informações de volume foram coletadas diretamente das exchanges através de seus respectivos canais de informações (API). Nenhuma informação coletada foi submetida a filtros ou alterações. Consideramos que as informações oferecidas através destes canais são DECLARAÇÕES que não foram auditadas.

As exchanges brasileiras não restringem a negociação de Bitcoin a um determinado horário. Assim, na ausência de uma padronização de um horário de fechamento, optou-se por encerrar o dia de negociação, para fins desse relatório, às 23:59:59 UTC, ou seja, acompanhando o fechamento do dia no horário mundial coordenado. Se a exchange falhou em fornecer a informação no horário 23:59:59 UTC, o script de coleta que produziu os dados deste relatório retrocedeu até 21:59:59 UTC em busca do volume das últimas 24 horas.

Todas as exchanges apresentadas neste relatório fornecem o "volume das últimas 24h" em qualquer momento do dia. Como descrito no parágrafo anterior, o algoritmo pode retroceder em até 2 horas em busca da última informação disponível. Se o script não encontrar a informação, será registrado a sigla NE (Não Encontrado) no lugar do volume em BTC. Os volumes foram arredondados até a terceira casa decimal.

Foram coletadas informações de volume das seguintes exchanges: Alterbank, Acesso Bitcoin, BitBlue, BrasilBitcoin, BitCambio, Biscoint, Binance, bitPreço, Braziliex, Bitnuvem, Bitrecife, BOMESP Brasil, BitcoinTrade, BitcoinToYou, BULLGAIN, CoinBene, ComprarBitcoin, Coinext, CryptoMKT, Citcoin, CointradeCX, flowBTC, Foxbit, MercadoBitcoin, Modiax, NovaDAX, NOX Bitcoin, New Cash, Omnitrade, PagCripto, PagCripto OTC, Profitfy, UpCâmbio, Walltime e YouBTrade.

BitcoinTrade - Compre Bitcoin a partir de 50 reais.

RESULTADOS

As exchanges brasileiras declararam ter movimentado 340.616,16 Bitcoins de 01/10/2019 a 30/09/2020 que, na cotação de 30/09/2020, cujo valor do Bitcoin no Brasil era de R$ 60.805,17, equivale a R$ 20.711.223.513,55. A exchange com maior volume foi a MercadoBitcoin com 77.720,71 Bitcoins negociados, correspondendo a 22,82%% do mercado nacional, indicando uma diminuição no marketshare visto que, no período de 1/07/2019 a 30/06/2020, esta exchange possuia 28,51% do volume negociado. O dia que registrou a maior movimentação de Bitcoin no período foi 13/03/2020 com 4.269,094 BTC. E o dia com menor movimentação foi 01/01/2020 com 64,90 BTC. No dia 01/09/2019 o valor do Bitcoin era de R$ 40.762,05 e no final do período, no dia 30/09/2020, era de R$ 60.805,17, valorizando 49,2% em 12 meses.

Volume mensal de Bitcoin da exchanges de outubro de 2019 a setembro de 2020

O mercado assistiu a um volume decrescente de agosto a dezembro de 2019. Alguns analistas acreditam que tal comportamento foi resultado da instrução normativa RFB 1.888, ou até mesmo como consequência da perda de credibilidade das empresas do ramo de criptomoedas que estiveram envolvidas em litígio com seus clientes. Este movimento de redução do volume negociado fez com que Dezembro tivesse o menor volume mensal dos últimos 12 meses – 19.886 BTC.

No entanto, o mercado nacional experimentou um maior atividade em janeiro de 2020, aumentando o volume em 40%, ocasião em que as exchanges nacionais negociaram 27.855,15 BTC. Houve um previsível decremento do volume mensal no mês de fevereiro porém, em Março, o volume negociado aumentou significamente. Enquanto as exchanges nacionais, em fevereiro de 2020, movimentaram 22.963 Bitcoins, estas observaram um aumento de 85% nesse volume no mês seguinte, tendo negociado 42.397 BTC em março de 2020.

No período avaliado, maio de 2020 foi o mês de maior movimentação de Bitcoin, totalizando 43.247 BTC. Apesar da tendência de volume crescente de janeiro a maio de 2020, os meses de junho a setembro apresentaram modesta movimentação, tendo sido movimentado em média 26.280 BTC por mês.

Comparativo entre o volume do terceiro trismestre de 2019 e 2020

Ao compararmos o terceiro trimestre de 2019, período no qual foram negociados 98.754 BTC, com o terceiro trimestre de 2020, percebe-se uma dimimuição do volume em cada mês correspondente. De julho a setembro de 2020, foram negociados 80.672 Bitcoins no Brasil. Ou seja, de um ano para outro, comparando períodos semelhantes, o mercado de bitcoin nacional observou uma retração de 18,3% em volume da criptomoeda. Porém, ao analisarmos o valor do Bitcoin no dia 30/09/2019, que era de R$ 34.706,58, e 30/09/2020, que era de R$ 60.805,17, é possível obervar um aumento de 43% na negociação em Reais (BRL).

De janeiro a setembro de 2019, o mercado nacional movimentou 301.391 Bitcoins. Nos mesmos meses do ano de 2020, foram negociadas 274.032 unidades, evidenciando uma retração de 9% do volume da criptomoeda. No entando, como mencionado no parágrafo anterior, devido à valorização do Bitcoin, o volume convertido em BRL de um ano para o outro pode superar os 40% de incremento.

Arquivos de apoio

As informações coletadas foram disponibilizadas em 2 formatos: planilha OpenOffice e CSV. O arquivo no formato OpenOffice contém 4 planilhas. A primeira apresenta uma tabela com os volumes diários de cada exchange, do dia 01/10/2019 a 30/09/2020. Nesta planilha é possível clicar nas datas da primeira coluna para abrir o navegador padrão na página do "PREÇO BITCOIN BRASIL" na hora 23:59:59 UTC deste mesmo dia. Na segunda planilha há um resumo gráfico do volume diário da primeira planilha. Na terceira planilha a informação é apresentada mensalmente. E na quarta planilha há um resumo gráfico do volume mensal da terceira planilha. Se aberto no LibreOffice, sugerimos que o arquivo CSV use o "Conjunto de Caracteres" "Unicode (UTF-8)" e o idioma "Inglês (EUA)". A utilização das informações destes arquivos, para quaisquer fins, somente está autorizada se houver indicação expressa de que a fonte é o "Cointrader Monitor", através da ferramenta "PREÇO BITCOIN BRASIL", além do link "https://cointradermonitor.com/preco-bitcoin-brasil".

ArquivoMD5
cointrader_monitor_volumes_das_exchanges_out_2019_a_set_2020.ods5a7b5606d2c8f6e9acd7941b85beaa21
cointrader_monitor_volumes_das_exchanges_out_2019_a_set_2020.csv8bcf08ed0603f564e5a1e400cf56a020

Coinext